Últimas resenhas

Tinta Fresca : Texas Destiny - Destino Texano


A Coluna TINTA FRESCA mostra os livros que foram lançados no Mundo mas ainda não chegaram no país. Ouviu falar de um livro? Está curioso sobre ele? Quem sabe ele não está por aqui?



Série : Texas Trilogy 01
Autor: Lorraine Heath
Ano: 1997
Idioma: Inglês
Nº de páginas: 305
Editora: Doubledday
Sinopse: Chegava à estação de Fort Worth, a senhorita Amelia Carson, que tinha recebido um pedido de casamento via correio, e nunca tinha visto Dallas Leigh, o texano com que estava prometida a se casar. O alto caubói na estação não era Dallas. Ele era Houston, irmão de Dallas, que tinha sido enviado para escoltá-la na árdua jornada de três semanas até o rancho onde Dallas a esperava. Educada na época da guerra da Geórgia, Amelia achava que as cartas escritas por Dallas faziam o Texas soar como o céu, um lugar no qual ela poderia realizar seus sonhos ao lado do homem ideal...

Resenha de Tinta: Como agarrar uma herdeira




Romance de Época - 304 Páginas - Editora Arqueiro

Sinopse: Quando Caroline Trent é sequestrada por engano por Blake Ravenscroft, não faz o menor esforço para se libertar das garras do agente perigosamente sedutor. Afinal, está mesmo querendo escapar do casamento forçado com um homem que só se interessa pela fortuna que ela herdou. Blake a confundiu com a famosa espiã espanhola Carlotta De Leon, e Caroline não vai se preocupar em esclarecer nada até completar 21 anos, dali a seis semanas, quando passará a controlar a própria herança milionária. Enquanto isso, é muito mais conveniente ficar escondida ao lado desse sequestrador misterioso. A missão de Blake era levar “Carlotta” à justiça, e não se apaixonar por ela. Depois de anos de intriga e espionagem a serviço da Coroa, o coração dele ficou frio e insensível, mas essa prisioneira se prova uma verdadeira tentação, que o desarma completamente.

Pipoca de Tinta: Netflix e Marvel Sucesso ou Derrota?


Desde que foi anunciado a parceria da Netflix com a Marvel que os fãs entraram em frenesi pelas séries. Eu como boa fã de super-heróis fiquei como:

Infelizmente eu não pude acompanhar todos os lançamentos e só agora consegui assistir as séries para enfim assistir a tão aguardada por mim: Os Defensores. Porque eu adoro crossovers! Daí antes de começar ela eu quero falar para vocês da série de cada um dos personagens em separado. 

Resenha de Tinta: Anexos


Titulo: Anexos
Autor(a): Rainbow Rowell
Páginas: 368
ISBN:  9788542804515

Sinopse: Beth Fremont e Jennifer Scribner-Snyder sabem que alguém está monitorando seus e-mails de trabalho. Todo mundo na redação sabe. É política da empresa. Mas elas não conseguem levar isso tão a sério e continuam trocando e-mails intermináveis e infinitamente hilariantes, discutindo cada aspecto de suas vidas. Enquanto isso, Lincoln O'Neill não consegue acreditar que este é agora o seu trabalho, ler os e-mails de outras pessoas. Quando ele se candidatou para ser agente de segurança da internet, se imaginou construindo firewalls e desmascarando hackers e não escrevendo um relatório toda vez que uma mensagem esportiva vinha acompanhada de uma piada suja. Quando Lincoln se depara com as mensagens de Beth e Jennifer, ele sabe que deveria denunciá-las. Mas ele não consegue deixar de se divertir e se cativar por suas histórias. No momento em que Lincoln percebe que está se apaixonando por Beth, é tarde demais para se apresentar. Afinal, o que ele diria...?

Em algum momento eu conheci Rainbow Rowell através de resenhas na blogsfera e a Dani resenhou Fangirl consolidando minha vontade de conhecer a autora. Mas fiquei por aí: um dia eu leio. Até que veio o tema “livros com cartas” no Desafio das Estrelas de Novembro e decidi que tinha chegado a hora. Portanto, peguei Anexos para ler. A bem da verdade eu não tinha muitas expectativas não, até porque ao iniciar a leitura eu nem lembrava mais quem tinha recomendado a autora ou o porquê rsrsrsrsrs


Pipoca de Tinta: Dark

A questão não é onde, é quando...


         Se você tem acesso à internet sabe que estamos na era da Netflix. Mesmo aqueles que não tem conta sabem que a plataforma investiu pesado em produção própria. Nomes como House of Cards, Black Mirror e Stranger Things são tão comuns quanto ou mais que o nome da novela das 8. E nessa onda a nova série original alemã veio surfando atrás de público. Como sou uma das órfãs de Stranger Things eu também estava em busca de algo tão bom quanto. Com toda a publicidade de Dark eu tive que ir conferir. 

Pipoca de Tinta: Godless

Formato: Minissérie
Gênero: Western
Duração Média:  90 minutos por capítulo
Criadores: Scott Frank
Idioma Original: Inglês
Estréia: Novembro 2017
Emissora: Netflix
Temporadas: 01
Episódios por Temporada: 07
Enredo: Ambientada no ano de 1884, em Colorado, esse faroeste conta a história de Frank Griffin (Jeff Daniels), um fora da lei que aterroriza o Novo México à procura de Roy Goode (Jack O'Connell), um desertor de seu bando, transformado em inimigo mortal. Enquanto Roy se esconde no rancho de Alice Fletcher (Michelle Dockery), a busca incessante de Frank o leva até a pequena cidade de La Belle.

Pipoca de Tinta: Peaky Blinders

Formato: Série
Gênero: Drama - Crime - História
Duração Média: 60 minutos por capítulo
Criadores: Steven Knight
Idioma Original: Inglês
Estréia: setembro 2013
Emissora: BBC
Temporadas: 04
Episódios por Temporada: 06
Enredo: A trama gira em torno de uma família de Birmingham que, em 1919, vive de assaltos, extorsões e apostas. Conhecida pelo apelido de Peaky Blinders,  o grupo é liderado por Tommy, personagem de Cillian Murphy . A situação da família muda com o fim da Primeira Guerra Mundial, quando Tommy descobre que precisará enfrentar um novo chefe de polícia. Recém chegado de Belfast, o policial está determinado a limpar as ruas de Birmingham dos criminosos e revolucionários.

Pipoca de Tinta: Lady Bird

"I want you to be the very best version of yourself that you can be"

Saoirse Ronan interpretando Lady Bird



Todos já formos adolescentes um dia, e sabemos que essa fase é uma das mais turbulentas, aonde vivemos sem lembrar das consequências. Dito isso, temos o filme Lady Bird que está encantando aos poucos o público. Ganhador do Globo de Ouro 2018, ele tem direção de Greta Gerwig que é diretora, roteirista e atriz.