Últimas resenhas

Resenha de Tinta: Édipo Rei




Édipo Rei
Autor: Sófocles

A trajetória de um leitor passa por muitos caminhos – estilos. E por muitas vezes nos pegamos pensando, “mas como começou esse novo modo de escrever?”
Eu sou assim. E você?
Daí fiquei sabendo de um desafio literário mais ou menos assim, trabalhando a teoria literária. Alguns devem ter torcido o nariz, mas saibam que é muito interessante. Por trás de um best-seller, além de talento e inspiração, tem também toda uma técnica para fazer com que nós possamos continuar apreciando os nossos adoradinhos.
Pois bem. Fui então experimentar uma tragédia, que necessariamente não é algo triste, pelo contrário, a maior parte é comédia.
Mas escolhi uma que é triste mesmo e que foi apresentada pela primeira vez ao público em 430 a.C. em Atenas.

O rei da cidade enfrentava vários problemas e os videntes diziam que era efeito de uma maldição que estava recaída sobre alguém da cidade e essa maldição falava sobre um homem que mata o pai e se casa com a mãe. Todos ficaram horrorizados, inclusive o rei. E daí se inicia toda uma caçada em busca desse infame herege...
E aí todo mundo sabe o que acontece.
Bom, o diferencial de tudo isso é a forma como a história está organizada, é uma peça teatral. Mas não é confusa e nem cansativa, como foi para mim uma tentativa com Shakespeare (Ricardo III).
Sobre o estilo nem é necessário comentar né. Beeeeemmmm antigo, mas eu gostei da experiência. Imaginei mais chato, digo, rebuscado.

E quero continuar lendo estilos baseado na teoria literária por trás da escrita.
Experimentem!




Resenha de Tinta: Esperança




Livro: Esperança
Autora: Lesley Pearse
Páginas: 560
Editora: Arqueiro

*PARCERIA ARQUEIRO*

Há um trecho de um livro sagrado que diz assim:
“ ...sabendo que a tribulação produz a paciência. E a paciência a experiencia, e a experiencia a  esperança. E a esperança não traz confusão...”
E foi pensando nesse pequeno texto que cheguei ao final desse livro. Sentai aí que vou te explicar.

Resenha de Tinta: Um Marido de faz de conta



Livro: Um Marido de Faz de Conta
Série: Os Rokesbys – livro 2
Autora: Júlia Quinn
Editora: Arqueiro

*Parceria*

*SPOILER DO LIVRO 1*

Os Rokesby recebem uma carta com uma notícia estarrecedora: Edward desapareceu em ação. O que pode significar várias coisas, e nenhuma boa.
George então parte para Londres para tentar seus vários contatos na Câmara dos Lordes para partir em busca do irmão.

Resenha de Tinta: Uma Dama fora dos Padrões



Livro: Uma Dama fora dos Padrões
Série: Os Rokesbys – livro 1
Autora: Júlia Quinn
Editora: Arqueiro

*Parceria*


Muito antes de Anthony e seus irmãos e irmãs estremecerem os salões de baile de Londres e as festas de campo de toda Inglaterra, houve uma Bridgerton intrépida e à frente do seu tempo, uma mulher que não se rendia as regras restritivas da sociedade.

Resenha de Tinta: A magia do silêncio


PARCERIA ARQUEIRO

Páginas: 160
Ano: 2018
Sinopse:
Celebrada como uma nova e original voz do budismo, a monja francesa Kankyo Tannier parte de sua rica experiência pessoal para nos mostrar o poder transformador da prática do silêncio.
Escrito com sensibilidade e a dose certa de humor, A magia do silêncio traz dicas, meditações e exercícios práticos para incluir pequenos intervalos de paz na agitação do dia a dia.
Ao fazer essas pausas, os sentidos despertam e voltam a se abrir para as maravilhas escondidas na vida cotidiana.
"Kankyo Tannier apresenta um caminho real para a calma imediata. Após alguns minutos de prática, sua respiração fica mais tranquila e você se sente mais presente (funciona mesmo, nós testamos)." – Cosmopolitan

Resenha:
Você sabe o que é silêncio? Sabe mesmo?
Não basta apenas a ausência de sons, é necessária a própria percepção disso, mas para eu ter essa percepção preciso pensar e se eu estou pensando, minha mente está em atividade, então nesse caso, ainda não consegui chegar lá!! Será mesmo? Complexo, né?
Realmente parece, mas depois da experiência dessa leitura, o silêncio não é algo para ser contemplado como uma utopia, ele simplesmente acontece e, pasmem, pode estar em qualquer lugar! Até nos mais ruidosos!!

Resenha de Tinta: A Caça



Livro: A Caça
Autora: M. A. Bennett
Número de Páginas: 240
Ano: 2018

*Parceria Arqueiro*

Greer Macdonald é uma típica londrina de subúrbio. Mora com o pai e os dois amam cinema. Muito mesmo. Aos 16 anos consegue uma bolsa na STAGS – St. Aidan the Great School, a escola mais antiga da Inglaterra e a mais conceituada. A nata da sociedade londrina e do mundo estuda lá.
E Greer está lá.
Sozinha. Uma párea.
E isso faz com que ela se sinta muito só, pois seu pai está longe, na América do Sul, filmando um documentário.
E então ela recebe O Convite.

Resenha de Tinta: Me poupe!



*Parceria Sextante*


Autora: Nathalia Arcuri
Páginas: 176
Ano: 2018



Sinopse: Ela começou a poupar aos 8 anos, de olho no carro que teria aos 18. Com 24, comprou seu primeiro apartamento à vista e ainda bancou todas as obras de acabamento. Aos 30, pediu demissão do emprego dos sonhos e montou o próprio negócio, um canal no YouTube. Tinha 32 quando conquistou o primeiro milhão de reais – e também o primeiro milhão de inscritos. Aos 35, pretende ter pelo menos 5 milhões (bem) investidos, garantia de independência financeira, ou seja: só trabalhará se quiser, no que quiser e quanto quiser.
A história da jornalista e youtuber Nathalia Arcuri é ao mesmo tempo inspiradora, divertida e instrutiva. Dona de uma inteligência financeira extraordinária, lapidada com cursos de especialização e coachings, Nathalia começou a compartilhar suas táticas para poupar e investir primeiro no blog poupecomSara, em 2014. No ano seguinte, valendo-se de sua familiaridade com as câmeras – foi repórter e apresentadora no SBT e na Rede Record –, lançou o Me Poupe! no YouTube, inaugurando o conceito de entretenimento financeiro.


Resenha de Tinta: Um Acordo e Nada Mais




Série: Os Sobreviventes - Livro 02
Autora: Mary Balogh
Número de Páginas: 304
Ano: 2018

*Parceria Arqueiro*

AINDA NÃO LEU O PRIMEIRO? VEM BEM aqui QUE TEM A RESENHA ;)
“...Pois o visconde de Darleigh era tudo o que ela observara naquela manhã e muito mais. Gracioso e elegante, ele não era particularmente alto. Tinha um belo corpo, com músculos desenvolvidos nos lugares certos, como se levasse uma vida vigorosa e estivesse em boa forma, talvez até com um porte atlético. Vestia-se para a noite com um bom gosto irretocável, sem ostentação. Era, na verdade, deslumbrante, e Sophia sentiu-se ridicularmente encantada. E ess foi sua reação apenas ao que viu do pescoço para baixo.” Pág. 34