[resenha de tinta] Seis Anos Depois

Título Original: Six Years
Autor: Harlan Coben
Tradutor: Ricardo Quintana
Numero de páginas: 272
ISBN: 9788580412536
Editora: Arqueiro
Ano: 2014
Nota: 5/5

Sinopse:
Jake Fisher e Natalie Avery se conheceram no verão. Eles estavam em retiros diferentes, porém próximos um do outro. O dele era para escritores; o dela, para artistas. Eles se apaixonaram e, juntos, viveram os melhores meses de suas vidas. E foi por isso que Jake não entendeu quando Natalie decidiu romper com ele e se casar com Todd, um ex-namorado. No dia do casamento, ela pediu a Jake que os deixasse em paz e nunca mais voltasse a procurá-la.
Jake tentou esconder seu coração partido dedicando-se integralmente à carreira de professor universitário e assim manteve sua promessa... durante seis anos.
Ao ver o obituário de Todd, Jake não resiste e resolve se reaproximar de Natalie. No enterro, em vez de sua amada, encontra uma viúva diferente e logo descobre que o casamento de Natalie e Todd não passou de uma farsa.
Agora ele está decidido a ir atrás dela, esteja onde estiver, mas não imagina os perigos que envolvem procurar uma pessoa que não quer ser encontrada.
Em Seis Anos Depois Harlan Coben usa todo o seu talento para criar uma trama sensacional sobre um amor perdido e os segredos que ele esconde.

Resenha:
Mais um livro do divo. Já comecei sabendo que ia encontrar uma trama cheia de mistérios, drama, suspense... mas, lágrimas? Nunca um final de Coben me arrancou lágrimas, e digo incontroláveis. Estava dentro de um ônibus e não sabia se ria ou se chorava e acabei fazendo as duas coisas...rs.
Mas vamos ao que interessa: a resenha.
Jacob Fisher, universitário de Lanford vai para um retiro na tentativa de escrever sua dissertação sobre Estado de direito dentro de sua área – Ciências Políticas. É lá que tudo começa conforme vocês já viram na sinopse.
                                               Quem não se apaixonaria numa cidade dessas?? Vamos conhecer Vermont, EUA?

A promessa feita no dia do casamento se mantém até o dia em que viu a notícia da morte de Todd, o tal marido. Então ele inicia uma busca, tranquila no início, mas depois entra em um ritmo alucinante e surreal com várias situações desesperadoras o que torna impossível você largar o livro enquanto não chega o final.
Novamente, como comentei em outras resenhas que já fiz do divo (aqui e aqui), ele sempre tem espaço pra falar de temas complexos e polêmicos de nossa sociedade. Situações que podem ser vivenciadas por qualquer um e sempre escolhemos não pensar muito no caso achando que está bem longe de nossa realidade. Pura ilusão.
Também gosto de sua postura como professor. Como temos a mesma profissão, me identifiquei com algumas coisas e vou colocar outras em prática... rs.
Esse livro é narrado na primeira pessoa, Jacob, e tem uns trechos de pura graça, dá a impressão que ele tá conversando contigo, sentado na sala te contando a história. Muito bom. Esse tipo de narrativa às vezes pode ser cansativa, mas não no caso de Coben. Jake é um ótimo narrador de sua própria história ;)
E o final... ah que final... M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!!
Minha cara lendo a última página do livro...rs
Concordo totalmente quando dizem que é o melhor livro de Coben. Só não é melhor porque acaba muito rápido..rs, mas sem deixar nenhuma pontinha solta.
Leiam! Rápido! 







2 comentários

  1. Nunca li nada de Harlan Coben, mas só ouço coisas boas sobre seus livros. Geralmente não gosto de narração em primeira pessoa, mas se a história for realmente boa, isso acaba sendo só um detalhe. Fiquei curiosa com essa história da farsa que era o casamento..... E alguém falou professor? Como professora de inglês que sou, já gostei, hehe!!!!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  2. Foi o primeiro livro do Harlan que li e confesso que me surpreendi demais com a escrita dele. Achei totalmente diferente e eu não conseguia largar.

    Logo no início deu vontade de matar Natalie, mas depois achei lindo o que ela fez e o que o protagonista fez pelo amor deles também. Incrível!

    M&N
    | Desbrava(dores)
    de livros
    - Participe do nosso top comentarista. São 6 livros para
    escolher e 2 ganhadores.

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo comentário!